IMG 0182

 

 

 

“Só se conhece o que se pratica”, diz uma frase de Montesquieu e é exatamente pela necessidade de aliar teoria à prática que professores e estudantes do curso de Farmácia comemoram a oportunidade de aprenderem nos novos laboratórios da Unidade de Laboratórios de Graduação (ULEG). Inaugurada no final do ano de 2018, a Unidade conta com sete laboratórios, três salas de aula, uma sala de informática, um centro de webconferência e uma área de simulação de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). A Unidade faz parte da infraestrutura da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade de Brasília (FS/UnB) e está localizada na nova edificação do complexo, ao lado da Faculdade.

De acordo com o chefe do Departamento de Farmácia, o professor Felipe Saldanha, a ULEG representa um grande avanço para o ensino e a aprendizagem na graduação de Farmácia, pois atende melhor às demandas dos estudantes, englobando a parte teórica e prática, uma vez que a formação possui um histórico com área reprimida para as aulas práticas, pois o curso contava com um único um laboratório para conciliar suas atividades. “Com a entrega do prédio eles conseguirão atender à demanda dos estudantes com laboratórios específicos, levando-os a se tornarem farmacêuticos de excelência”, afirma. 

A estudante Louise Mendes está no nono semestre e conta que estava com receio de se formar e não ter a oportunidade de realizar atividades práticas nos laboratórios do novo prédio. Ela relembra as dificuldades enfrentadas por ela e os colegas em um passado recente, no qual contavam com apenas um laboratório para o curso que possui turmas diurnas e noturnas. “Entrei na faculdade e vi a construção. Achei, inclusive, que me formaria sem conhecer esse prédio. A gente tinha que dividir laboratório, era um pouquinho mais difícil, não conseguíamos ter muitas aulas práticas. Eu pretendo seguir na área de análises clínicas, então estar aqui é muito significativo, porque acredito que vai acrescentar demais na minha formação. Já tive algumas aulas aqui e sinto diferença, pois temos mais espaço e mais liberdade”.

O relato de Louise é corroborado pelo de seu colega, Pedro Azevedo, do sétimo semestre. O aluno afirma que a ULEG modificou as ideias dele e dos demais estudantes sobre como ter e dar aulas na Farmácia, pois agora eles conseguirão vagas em algumas disciplinas que não conseguiam por falta de espaço. Além disso, Pedro destaca outras necessidades atendidas com o novo prédio: “A gente está suprindo melhor algumas regras de biossegurança e a infraestrutura do prédio está muito bonita. Faltam alguns reparos, ajustes e equipamentos, mas é uma coisa que estamos conseguindo contornar. Quando a Unidade estiver em completo funcionamento, totalmente instalada e utilizada da forma como foi proposta, virão novas publicações para o curso e vai aumentar ainda mais nossa visibilidade dentro da própria universidade."

 

IMG 0177

 

Como destacado pelo aluno, ainda há detalhes a serem ajustados na estrutura da Unidade, mas conforme professores e estudantes do Departamento, eles esperam contar com o apoio da Direção da FS/UnB e da Reitoria da UnB para sanar os problemas. O diretor da Faculdade, professor Laudimar de Oliveira, afirma que a direção não medirá esforços para que o ULEG funcione com equipamentos e estrutura adequada. 

Ádria Albarado, Beatriz Amaral e Cauanne Pissurno,